terça-feira, 6 de abril de 2010




Que bom que é ter tanto para fazer e simplesmente deixar-me brincar e brincar. Sim brincar, assim era no tempo da ignorância, de simplicidade do tão desejado “mundinho cor-de-rosa” onde as historias nos entravam pela janela carregadinhas de príncipes, princesas, cavalos brancos, onde o bem vencia sempre e a princesa vivia feliz para sempre com o seu lindo príncipe após este a ter salvo. Ai ingénua infância perdida, ingénua felicidade onde nada era um tudo e tudo valia sempre mais que agora.

Serei criança a vida toda se assim o permitirem, apenas com uma grande diferença,..  criança sem ingenuidade!

3 comentários:

  1. AMO-TE E VOU ESTAR SEMPRE AQUI (LLLL)

    ResponderExcluir
  2. Desde quando eu tenho fotos contigo? .|.
    vai masé a merdinha :D


    mas vou por uma tua , ainda não sei é qual. estou a mudar o blog.

    ResponderExcluir